O transplante de córnea é um procedimento cirúrgico completo e assertivo que ajuda muitos pacientes a regularizarem a saúde dos olhos. O transplante de córnea é realizado no Brasil há mais de 80 anos e hoje é utilizado em larga escala também em Curitiba, com grandes avanços nessa área. Porém, muitos pacientes ainda não se sentem seguros quanto ao procedimento ou até mesmo o pós-operatório. Este artigo tem o objetivo de dar mais segurança aos pacientes de transplante de córnea que necessitam da cirurgia.

Afinal, se o transplante de córnea pode ser a solução para o seu caso, você merece passar pelo procedimento com calma e tranquilidade. Leia o texto a seguir e tire suas principais dúvidas sobre o assunto.

Transplante de córnea: o que é e para quem serve?

Importante esclarecer o que é a córnea e o seu papel para os nossos olhos. A córnea é a membrana transparente que cobre os olhos. Diversas doenças podem atingi-la e podem torná-la opaca, impedindo que a luz dos objetos chegue à retina. É nesse momento que o transplante de córnea se torna solução e alternativa. A membrana pode ser restaurada e a transparência retorna aos olhos. Mas isso só pode acontecer em casos onde não há lesão das demais estruturas oculares.

transplante de córnea é um procedimento inovador e interessante também realizado pelo oftalmologista em Curitiba Dr. Marcelo Vilar. Existem alguns casos extremos, de sérias doenças oculares que precisam se submeter rapidamente ao transplante de córnea. Tipos como a descompensação da córnea, aliada à formação de microbolhas, conhecida no meio médico como ceratopatia bolhosa, é um grande exemplo que exige o transplante. Além dele, também há os pacientes com ceratocone em estágios extremos e muito avançados. Nesses casos, o anel intra-estromal não oferecerá o resultado necessário, sendo preciso partir para o transplante de córnea.

Afinal, o transplante de córnea é seguro para o paciente?

Com tantos anos de realização e excelentes avanços no meio oftalmológico, o transplante de córnea evoluiu com o tempo. Ganhou grandes mudanças, novidades e ainda mais conforto e tranquilidade aos pacientes. Não muitos anos atrás, esse tipo de cirurgia acontecia com urgência. Afinal a córnea chegava inteira ao centro de transplante e o cirurgião precisava preparar a membrana para a utilização. E tudo com agilidade, pois a córnea tinha uma sobrevida curta: de 12 a 24 horas entre o óbito do doador e o transplante de córneano paciente necessitado. Já na década de 80, a conservação se tornou mais assertiva e segura.

A partir desse momento, as cirurgias poderiam acontecer com um período maior entre doador e paciente. Até vários dias após o óbito. Junto disso, o laser também adentrou aos consultórios e salas cirúrgicas: passou a ser possível trabalhar melhor a córnea doada e obter resultados mais satisfatórios e com risco muito menor.

Os anos se passaram e cada vez mais pacientes encontraram a solução às suas doenças oculares através do transplante de córnea. A restauração da transparência acontece com segurança e cuidado considerando o problema de visão e também bem-estar do paciente. Ou seja, o transplante de córnea em Curitiba é uma solução que pode ser acatada com tranquilidade por todos que necessitam dela.

Preparação e realização do transplante de córnea: especialidade do Dr. Marcelo Vilar.

Com a cirurgia já agendada no consultório, a córnea doada deve passar por um processo completo de preparação antes da realização do transplante. O cirurgião trabalha com a córnea até que se encontre o formato perfeito para a recuperação visual do paciente. Ela é preparada no banco de olhos, em assepsia cirúrgica, examinada com microscopia: ferramenta importante na moldagem e corte a laser. Todo o processo anterior ao transplante de córnea acontece em duplicada, com duas possibilidades de membrana, para que a cirurgia não tenha inseguranças para o paciente e nem precise ser cancelada ou transferida.

Cada vez mais frequente é o uso do laser nos procedimentos anteriores de preparação ou de realização efetiva do transplante de córnea. Com essa grande possibilidade em mãos, o Dr. Marcelo Vilar, que atua em Curitiba já foi responsável por muitos casos de sucesso em cirurgias desse tipo, onde pacientes conseguiram encontrar a solução para a sua doença ocular através do transplante de córnea. Com os avanços tecnológicos e as possibilidades oferecidas em infraestrutura pelo Hospital de Olhos do Paraná, o método utilizado pelo Dr. Marcelo Vilar é o Laser Femtosecond, muito eficaz para o transplante de córnea.

Com duração mais rápida, utilizando menos pontos e com maior aderência e menor trauma entre as córneas doada e receptora, esse tipo de procedimento pode ser a solução ao seu caso. Você não precisa conviver para sempre com o seu problema de visão. Conheça o Dr. Marcelo Vilar, consulte e saiba quais as especificidades do seu quadro e as possíveis soluções.

Conheça todos os detalhes do transplante de córnea, tire suas dúvidas e realize esse procedimento com tranquilidade e facilidade. Fale com o Dr. Marcelo Vilar e agende uma consulta com um especialista em cirurgias oculares.

>>Leia também: Perguntas frequentes sobre transplante de córnea em Curitiba.

Agende sua conversa, exame ou cirurgia de transplante de córnea em Curitiba nos seguintes contatos: (41) 3310-4225, (41) 3310-4202, (41) 3310-4277 ou fale com a nossa equipe pelo WhatsApp (41) 99616-9915. Você também pode visitar nossa sede em Curitiba, localizada no endereço Rua Coronel Dulcídio, 199, 5º Andar, no bairro Batel.