Presbiopia

Não gosto de óculos e tampouco das lentes de contato. Existe tratamento cirúrgico para corrigir a presbiopia?

Por mais comum que seja, não dá para negar que a condição interfere na qualidade de vida.  Especialmente para pessoas que trabalham longas jornadas no computador, tablet ou celular, tornando essa carga de trabalho difícil e irritativa, o que leva a diminuicao no desempenho profissional.

Existem diferentes formas de corrigir a presbiopia. Inicialmente, temos que realizar exames especiais para avaliar a saúde e condições dos olhos, segundo fator importante se trata da idade. Pacientes presbitas jovens (45-55 anos ) que apresentam ametropias (hipermetropia, astigmatismo ou miopia) e  presbiopia . Realizamos procedimento com Excimer Laser, esse procedimento emprega o laser na superfície da córnea, corrigindo a dificuldade para enxergar de longe (se existir) e ajustar o foco da visão para perto. Quando o paciente tem maior idade, mais de 60 anos, damos preferência por procedimento cirúrgico com implante de lentes intra-oculares multifocais. Tais lentes irão corrigir a dificuldade para enxergar de longe (quando presente) e corrigir também perto.

Qual o tipo de lentes corretivas que se usa para corrigir a dificuldade imposta pela presbiopia?

Usamos normalmente lentes com poder de convergir a imagem, (lentes convergentes), fazendo com que a imagem fique focada sobre a retina. A correção da presbiopia deverá ser efetuada com um tipo de lente convergente. Essas lentes podem estar associadas com graus de miopia, astigmatismo, além da hipermetropia.

Como é possível corrigir a presbiopia?

Para corrigir a presbiopia, inicialmente pode ser me forma não invasiva, ou seja, clinicamente ou cirurgicamente.

  • Uso de lentes de contato;
  • Uso de óculos de grau (monofocal, corrige somente a presbiopia, melhorando a visão para perto); multifocal (corrige a visão para longe, quando o paciente apresenta miopia, hipermetropia e astigmatismo associados) e para melhorar a visão para perto;
  • Cirurgia refrativa;
  • Cirurgia facorefrativa.

É normal usar óculos de grau para corrigir a hipermetropia ou a presbiopia. Na verdade, é o tratamento mais indicado pelos oftalmologistas.

No caso da hipermetropia, as lentes dos óculos para o tratamento devem ser as monofocais ou visão simples.

Existe algum remédio para tratar a presbiopia?

Foi apresentado em 2019 um estudo pela AAO (Academia Americana de Oftalmologia), demonstrando que um colírio PRX seria capaz de corrigir a presbiopia. Mas calma, esse colírio está em fase de teste e não foi aprovado pelo FDA, a agência reguladora americana de medicamentos, similar a  ANVISA no Brasil. Nos estudos, foi verificado que esse colírio poderia ser uma solução, foi visto que esse medicamento atua no músculo constrictor da pupila, melhorando a visão de perto, sem prejudicar  longe (como ocorreu com outros medicamentos antes testados com a mesma finalidade), medicações anteriores com a mesma ação causavam espasmos de acomodação, dores de cabeça, inflamações dentro dos olhos, entre outros. Ou seja, é preciso evoluir muito para o colírio poder ser prescrito para uso geral.

Quais os sintomas na hipermetropia e presbiopia, já que ambas apresentam a mesma dificuldade para enxergar de perto?

Na hipermetropia, em geral os sintomas são:

  • Dores de cabeça;
  • Olhos pesados;
  • Ardência;
  • Visão borrada.

Na presbiopia:

  • Baixa concentração;
  • Necessidade de força os olhos e dificuldade para enxergar de perto;
  • Afastar e aproximar para enxergar coisas para perto, com piora progressiva após os 45 anos;
  • Dores de cabeça;
  • Fadiga ocular;
  • Irritabilidade;
  • Dores de cabeça na região das sobrancelhas;
  • Precisa de muita luz para enxergar de perto.

Qual a diferença entre hipermetropia e presbiopia?

Existe uma diferença conceitual entre a presbiopia e a hipermetropia. São problemas de visão que dificultam a visualização de objetos para perto. A hipermetropia pode afetar desde crianças até adultos, em qualquer momento da vida, enquanto a presbiopia afeta pessoas a partir dos 40 anos.

Quais são os sintomas da presbiopia?

Apesar de não ser uma condição grave ou potencialmente incapacitante, levando apenas à dificuldade em focar objetos para perto, uma das principais queixas relacionada com o embaçamento para ler um livro ou uma embalagem, passar um fio em agulhas ou simplesmente focar objetos para perto.

Como normalmente é necessário fazer um esforço para conseguir enxergar nas diversas situações do cotidiano, a presbiopia pode levar ao surgimento de dores de cabeça persistentes. Outros sintomas, embora sejam menos comuns, incluem tensão na musculatura no rosto, maior iluminação para realizar tarefas como leitura e fadiga na leitura.

O que significa presbiopia?

É a piora de visão habitual com o avançar da idade, quando os olhos lentamente perdem a capacidade de focalizar objetos muito próximos.  Também chamada de vista cansada, a presbiopia em geral começa após os 40 anos de idade pela perda da elasticidade do cristalino em nossos olhos e acomete todas as pessoas até os 50 anos em algum momento da vida.

Marque sua consulta com o
Dr. Marcelo Vilar

Tem dúvidas ou quer uma segunda opinião?
Cadastre-se e ligamos para você.



Depoimentos

  • Davi Souza

    Extremamente solícito e tem prazer em deixar bem detalhado todos os porquês por trás das tomadas de decisão. Apresenta as opções e detalha bem os prós e contras.

  • Jaqueline Sampaio

    Médico empático e assertivo, grande especialista na sua área, consegue compartilhar seus conhecimentos com desenvoltura e simpatia. Faço acompanhamento com ele desde que me mudei para Curitiba há 12 anos e tenho plena confiança em seu profissionalismo.

  • Tatiane Malaguti

    Recomendo excelente profissional, atencioso, fiz minha cirurgia para correção e miopia a 6 anos e tenho acompanhamento contínuo

  • Marcelo Fuga Fialho

    Excelente profissional, competência técnica unida a empatia e atenção. Recomendo! Equipe de atendimento, também merece destaque, gentileza e comprometimento.

  • Kelly Regina

    Recebi indicação do Dr Marcelo, de duas amigas que operaram com ele e hoje estão livres dos óculos, realizei a cirurgia a 5 meses e estou super feliz com o resultados e o atendimento.
    Medico muito atencioso, me deixou super calma, pois tinha bastante medo, me passou toda confiança e segurança com sua experiência e atenção, tanto no pré operatório quanto no pós. Só tenho a agradecer por toda dedicação e carinho.

  • Jucelia

    O Dr Marcelo supriu todas as minhas expectativas, fui desenganada achando que não teria solução para enxergar melhor e ele me diagnosticou com muita paciência e tirou todas as minhas duvidas. Hoje enxergo 100% graças a esse excelente profissional.

  • Flávia

    Minha mãe estava com catarata, quase perdendo a visão até que recebemos a indicação para o Dr Marcelo e ela realizou a cirurgia que tanto sonhava. Excelente profissional, pontual, competente, tira todas as dúvidas e super atencioso para com a minha mãe, com certeza o melhor!! Obrigada Dr, hoje minha mãe está livre dos óculos e pode enxergar com qualidade!

  • Janaína Lima

    A 5 anos descobri q tenho Ceratocone, passei por vários médicos que nunca me disseram sobre a cirurgia de implante de Anel de Ferrara. Estava crente que não voltaria a ter uma boa visão. Foi quando recebi indicação do Dr. Marcelo, realizei a cirurgia de Anel com ele há 1 ano e tive mais da metade da minha qualidade visual recuperada. Só tenho a agradecer. Cirurgia sem dor, durou 20 minutos e sai sem tampão ,vendo embaçado mais muito bem. Em 2 dias já estava na minha rotina diária. Muito feliz com o resultado e o carinho prestado por esse médico e toda sua equipe.

Fale com o Dr. Marcelo

Comece uma conversa

Clique para começar uma conversa no WhatsApp

A nossa equipe responde rapidamente de segunda a sexta-feira, das 8h as 19h.