Marcelo Alves Vilar de Siqueira - Doctoralia.com.br

Cuidar da saúde ocular faz total diferença e impacta diretamente na qualidade de vida de qualquer ser humano. Casos de ceratocone, onde a curvatura da córnea é modificada, causando dificuldade visual, podem ser tratados de diferentes maneiras, sempre levando em conta o estágio de avanço da doença.

Aqui no consultório do Dr. Marcelo Vilar realizamos três principais tipos de tratamentos cirúrgicos: crosslinking, implante de Anel de Ferrara e transplante de córnea.

Quando atendemos pacientes que apresentam o ceratocone, muitos deles se perguntam sobre qual a melhor opção de tratamento para o seu caso e como fazer essa escolha. A verdade é que cada caso precisa ser analisado separadamente, com o auxílio de um oftalmologista especializado durante as consultas médicas, porém, existem algumas indicações de tratamento de acordo com o avanço do ceratocone.

Nós da equipe do Dr. Marcelo Vilar, produzimos este conteúdo para falar mais sobre o procedimento de crosslinking e quais são os pacientes que podem considerar este tratamento como o ideal para o seu caso.

Continue lendo e confira mais detalhes sobre ceratocone, crosslinking e perfil do paciente ideal. 😉

O que é ceratocone?

O ceratocone é uma doença não-inflamatória, bilateral e progressiva, onde seu avanço afeta o formato da curvatura da córnea, causando dificuldade visual no paciente.

As causas do ceratocone ainda são desconhecidas, mas pesquisas apontam que fatores genéticos e o hábito de coçar os olhos com frequência influenciam no desenvolvimento da doença.

O afinamento e enfraquecimento da córnea possibilita sua deformação, evoluindo pouco a pouco para um padrão mais cônico. Essa mudança no formato altera a maneira como a luz adentra os olhos e forma a imagem, causando dificuldades visuais progressivas, normalmente se apresentando com evolução constante de grau.

Para diagnosticar o ceratocone é preciso consultar com um oftalmologista especialista na doença e realizar exames para comprovar o caso clínico, como a topografia corneana.

Como funciona o Crosslinking?

O Crosslinking é um procedimento cirúrgico que pode ser utilizado para tratamento do ceratocone. Além dele, é possível utilizar óculos e lentes de contato, implante de Anel de Ferrara ou então transplante de córnea, tudo dependendo do grau de avanço do ceratocone.

No caso do Crosslinking o procedimento deve ser realizado por um médico oftalmologista especializado e licenciado, em centro cirúrgico. O tratamento se inicia com a aplicação de anestesia tópica, em formato de colírio, seguido da remoção do epitélio da córnea – células da superfície corneana que regeneram posteriormente.

A remoção do epitélio é fundamental para que a ocorra a penetração da Riboflavina (Vitamina B2) na córnea – aplicada em gotas. Procede-se com a aplicação da luz UV-A por 30 minutos.

Esse procedimento tem como objetivo reforçar a estrutura da córnea, impedindo que a alteração do seu formato continue acontecendo e não como um tratamento definitivo do ceratocone.

Crosslinking: pacientes ideais

Os pacientes ideais para a realização de tratamento de Crosslinking são aqueles que apresentam ceratocone em estágio leve ou mediano, pois estes apresentam maiores chances de impedir o desenvolvimento da doença e em alguns casos até regredir levemente o ceratocone.

A espessura da córnea é outro fator que influencia na possibilidade de realizar o Crosslinking para tratamento da doença. Em linhas gerais, a espessura corneana deve ser igual ou superior a 400 micra, o que corresponde a 400 milésimos de milímetros, pois assim é possível garantir a proteção e manutenção do endotélio íntegro após o procedimento.

A curvatura da córnea deve ser menor do que 70 diptrias e é recomendado que não haja cicatrizes corneanas. Gestantes não devem realizar o procedimento.

Cuide da saúde dos seus olhos, agende sua consulta com o Dr. Marcelo Vilar, oftalmologista especialista em ceratocone em Curitiba e entenda se o seu caso pode ser tratado com o Crosslinking. Fale conosco pelo telefone (41)99616-9915 🙂

Abrir chat
Precisa de ajuda?
Olá, podemos ajudar?
Powered by