30 de outubro de 2013

Perguntas Anel de Ferrara

O que é o anel de Ferrara?

O anel de Ferrara é uma órtese composta de dois segmentos semicirculares, de espessuras variáveis, com 5mm de diâmetro, confeccionada com o mesmo material utilizado há mais de 20 anos na confecção de lentes intraoculares.

29

Anel de ferrara

Quais são as indicações do Anel de Ferrara?

O implante do Anel de Ferrara está indicado, principalmente, aos portadores de ceratocone em evolução, em qualquer faixa etária, intolerantes a lentes de contato ou com distorções acentuadas da córnea, como ocorre após o transplante.

Quais os riscos do implante de Anel de Ferrara?

A complicação mais freqüente do implante de Anel de Ferrara é a extrusão espontânea do mesmo. Isso ocorre em 10 a 12% dos casos.

A cirurgia de anel corneano é reversível?

Sim, a cirurgia é totalmente reversível e essa é uma das grandes vantagens dessa técnica.

Se os resultados obtidos com a cirurgia não forem os planejados e seja necessário reposicionar os anéis ou retira-los para implante de um modelo de anel diferente ou até mesmo retira-los para fazer alguma outra técnica cirúrgica é possível e fácil de ser feito.

Qual a diferença de colocar 1 ou 2 anéis?

Não há diferença. De acordo com o grau do ceratocone, se ele é mais inferior ou mais central, o médico vai usar uma tabela para decidir se vai usar 1 ou 2 anéis e qual a posição deles na córnea. Ou seja, é um critério técnico. Não influi nos resultados.

Como o anel melhora a visão?

O anel tem a intenção de regularizar a superfície corneana que se encontra com uma forma cônica e irregular no ceratocone.

Ocorre rejeição ao anel?

Não. A extrusão depende da espessura corneana do paciente e da profundidade em que o anel foi implantado. Com a extrusão, o olho volta ser como era antes do implante do anel. Esta é uma vantagem do procedimento, ser reversível. É possível um novo implante ou em alguns casos o transplante de córnea torna se necessário.

O anel de ferrara estabiliza o ceratocone?

Por ser um dispositivo rígido, ele poderá tornar mais firme a estrutura da córnea, evitando ou lentificando a evolução do quadro para um transplante de córnea.

Qual o objetivo da cirurgia do anel de ferrara?

O objetivo da cirurgia para implante do anel corneano ou anel de ferrara é melhorar a visão. Mas é importante saber que essa cirurgia não tem finalidade refrativa, ou seja,não livra o paciente do uso de óculos ou lentes de contato. Na verdade, em quase metade dos casos, após a cirurgia do anel, ainda será necessário o uso de óculos ou lentes de contato.

Mas então porque fazer a cirurgia? Porque antes de colocar o anel, nem de óculos ou de lente de contato proporciona  mais boa visão

30

Anel Corneano para ceratocone

O Anel de Ferrara substitui o transplante de córnea?

Não. O objetivo principal do Anel de Ferrara é a reabilitação visual melhorando as condições do paciente de utilizar seus óculos ou a adaptação das lentes de contato

Como é o pós operatório?

Raros sintomas são vistos no pós operatório, mas casos de lacrimejamento, fotofobia  e olho vermelho leve , podem ser vistos. Entretanto, o aparecimento tardio destes sintomas é anormal a deverá ser comunicado ao médico, imediatamente.

Quanto tempo tenho que ficar de repouso?

Com três dias, o paciente pode retornar às atividades normais.

Que cuidados devemos ter após a cirurgia?

Estão proibidos: banhos de imersão (piscina, praia, banheira), sauna, prática de atividades físicas, coçar os olhos e maquiagem. Os banhos devem ser tomados tomando o cuidado para não deixar cair água no olho. A limpeza do olho é feita corn soro fisiológico e gaze esterilizada, de forma delicada, para que não ocorram traumas. É importante que o paciente lave bem as mãos com sabonete antes de fazer a higiene do rosto e de pingar os colirios. O oclusor de acrílico deve ser usado por 30 dias somente para dormir, para evitar que o paciente coce o olho acidentalmente. O paciente deve dormir do lado contrário ao operado.

Tenho que usar óculos depois da cirurgia?

Pode ser necessário o uso de óculos e/ou lentes de contato após o implante de anel de Ferrara.

O perfil do paciente ideal para implante do anel corneano é:

– córnea transparente com pouca ou nenhuma estria ou cicatriz.

– intolerância a Lente de Contato ou evolução franca do ceratocone

– astigmatismo alto

– ceratometria simulada com valores inferiores a 60,00 D (ou 65). Essa medida é dada pelo exame de topografia de córnea

– córneas não muito finas

– ceratocones descentrados costumam apresentar resultados melhores que os centrais

O implante do Anel de Ferrara está contra-indicado nos seguintes casos:

– Ceratocone avançado com ceratometria maior que 75.0 D.;

– Ceratocone com opacidade corneana severa;

– Hidropsia;

A cirurgia de implante do anel intraestromal corneano para tratamento do ceratocone é regulamentada e autorizada pelo Conselho Federal de Medicina através da RESOLUÇÃO CFM N0 1.762/05 (Publicada no D.O.U. 26 Jan 2005 ,Seção I , p. 90)