Conjuntivite

conjuntivite é uma doença que se caracteriza pela inflamação da conjuntiva, causada por agentes tóxicos, alergias, bactérias ou vírus.

Conjuntivite Alérgica

Milhares de pessoas sofrem de problemas relacionados a alergias, sendo que as reações alérgicas envolvem, comumente, os olhos. Uma reação alérgica que envolve a conjuntiva, membrana fina que recobre a superfície do olho, é comumente chamada de conjuntivite alérgica.

A conjuntivite alérgica é classificada em vários subtipos, mas os tipos mais comuns são a conjuntivite alérgica sazonal e a conjuntivite alérgica perene. Esses dois tipos de conjuntivite alérgica são desencadeados por reações imunológicas, que envolvem um indivíduo com sensibilidade a um alérgeno específico.

Isso significa que, se você é alérgico a determinada substância e entra em contato com ela, você desenvolve uma reação alérgica (com sintomas como coceira, espirros, coriza, etc).

Conjuntivite

Quais as causas da Conjuntivite Alérgica?

A conjuntiva, membrana fina que recobre a superfície do olho, tem estrutura semelhante à da membrana que recobre internamente as narinas.

Como essas duas mucosas são bem semelhantes, os mesmos alérgenos (substâncias que induzem reação alérgica), podem desencadear sintomas alérgicos em ambas as regiões.

Quais são os Alérgenos mais comuns?

• Pólen;
• Poeira;
• Fragmentos de pele morta de animais;

Conjuntivite

Conjuntivite Infecciosa

É transmitida por vírus (mais frequentemente) ou bactérias e pode ser contagiosa. Nestes casos, a contaminação acontece pelo uso de objetos contaminados, pelo contato direto com pessoas contaminadas e até mesmo pela água da piscina.

Existem diferenças entre os vírus, sendo que alguns se mostram mais agressivos e provocam grande desconforto ao paciente. A doença pode apresentar-se na forma aguda ou crônica e os sintomas são: olho vermelho, coceira, lacrimejamento, sensibilidade à luz e secreção branca ou amarelada. Também podem ocorrer febre, dor de garganta e dores pelo corpo. Normalmente, a pessoa acorda com os olhos grudados devido à secreção. Este tipo de conjuntivite requer alguns cuidados especiais que podem evitar a transmissão e o curso da doença geralmente é limitado.

Complicação

A visão não é afetada uma vez que a inflamação tenha cessado. Contudo, em casos de conjuntivite causada por adenovírus, pode haver comprometimento visual quando cicatrizes são formadas na córnea. Dependendo da profundidade das cicatrizes, cirurgia a laser pode ser a solução para tentar recuperar a visão.

Tratamento

Conforme os sinais encontrados ao exame oftalmológico, será decido entre colírios lubrificantes, medicação antiviral, colírios ou pomadas antibióticas. No caso de conjuntivite alérgica, o médico poderá prescrever colírios antialérgicos, esteroides ou anti-inflamatórios.

Agende sua
consulta, exame e cirurgia.

(41) 3310-4225 | (41) 3310-4202 | (41) 3310-4277 | (41) 99616-9915

Conjuntivites

conjuntivite é uma doença que se caracteriza pela inflamação

da conjuntiva, causada por agentes tóxicos, alergias, bactérias ou vírus.

Conjuntivite Alérgica

Milhares de pessoas sofrem de problemas relacionados a alergias, sendo que as reações alérgicas envolvem, comumente, os olhos. Uma reação alérgica que envolve a conjuntiva, membrana fina que recobre a superfície do olho, é comumente chamada de conjuntivite alérgica.

A conjuntivite alérgica é classificada em vários subtipos, mas os tipos mais comuns são a conjuntivite alérgica sazonal e a conjuntivite alérgica perene. Esses dois tipos de conjuntivite alérgica são desencadeados por reações imunológicas, que envolvem um indivíduo com sensibilidade a um alérgeno específico.

Isso significa que, se você é alérgico a determinada substância e entra em contato com ela, você desenvolve uma reação alérgica (com sintomas como coceira, espirros, coriza, etc).

Quais as causas da Conjuntivite Alérgica?

A conjuntiva, membrana fina que recobre a superfície do olho, tem estrutura semelhante à da membrana que recobre internamente as narinas.

Como essas duas mucosas são bem semelhantes, os mesmos alérgenos (substâncias que induzem reação alérgica), podem desencadear sintomas alérgicos em ambas as regiões.

Quais são os Alérgenos mais comuns?

• Pólen;
• Poeira;
• Fragmentos de pele morta de animais;

Conjuntivite Infecciosa

É transmitida por vírus (mais frequentemente) ou bactérias e pode ser contagiosa. Nestes casos, a contaminação acontece pelo uso de objetos contaminados, pelo contato direto com pessoas contaminadas e até mesmo pela água da piscina.

Existem diferenças entre os vírus, sendo que alguns se mostram mais agressivos e provocam grande desconforto ao paciente. A doença pode apresentar-se na forma aguda ou crônica e os sintomas são: olho vermelho, coceira, lacrimejamento, sensibilidade à luz e secreção branca ou amarelada. Também podem ocorrer febre, dor de garganta e dores pelo corpo. Normalmente, a pessoa acorda com os olhos grudados devido à secreção. Este tipo de conjuntivite requer alguns cuidados especiais que podem evitar a transmissão e o curso da doença geralmente é limitado.

Complicação

A visão não é afetada uma vez que a inflamação tenha cessado. Contudo, em casos de conjuntivite causada por adenovírus, pode haver comprometimento visual quando cicatrizes são formadas na córnea. Dependendo da profundidade das cicatrizes, cirurgia a laser pode ser a solução para tentar recuperar a visão.

Tratamento

Conforme os sinais encontrados ao exame oftalmológico, será decido entre colírios lubrificantes, medicação antiviral, colírios ou pomadas antibióticas. No caso de conjuntivite alérgica, o médico poderá prescrever colírios antialérgicos, esteroides ou anti-inflamatórios.